Cancelar
Acesso CNTV

Em 2017, quase 550 mil vigilantes passaram por escolas de formação

25Abr

A Coordenação Geral de Controle de Segurança Privada da Polícia Federal (CGCSP) apresentou, durante a 115ª reunião da Comissão Consultiva para Assuntos de Segurança Privada (CCASP), dados do levantamento realizado pela Coordenação mostrando que 548.624 pessoas passaram por cursos de formação de vigilantes, extensão e atualização no ano de 2017. Os números são provenientes de escolas autorizadas pela PF em cada estado.

                O Estado com maior número é São Paulo, com 156.115; em seguida, Rio de Janeiro com 55.114; e Minas Gerais, com 45.871. Bahia ficou com 30.823 e Roraima com 871, o menor número.

                Para o presidente da Confederação Nacional dos Vigilantes (CNTV), José Boaventura, este quadro confirma que a formação e preparação de vigilantes continuam estáveis e atentos às demandas do mercado de trabalho. “É preciso ter profissionais sempre preparados para cuidar da segurança das pessoas e do patrimônio. Estes 550 mil vigilantes, seja na formação, extensão ou especialização (transporte de valores, escolta armada, segurança pessoal privada e eventos), por ocasião dos cursos, também são submetidos a avaliação psicológica e antecedentes criminais, cuidando de filtrar para que na categoria só permaneça ‘vigilante ficha-limpa’”.

 A CNTV está atenta e buscando a cada dia a valorização destes trabalhadores especiais.

Fonte: CNTV

0 comentários para "Em 2017, quase 550 mil vigilantes passaram por escolas de formação"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.