Cancelar
Acesso CNTV

Dilma Rousseff declara luto oficial e diz que quer ir a velório no Rio

08Abr

Em ) - a ACRE al

Ministros e parlamentares ficaram consternados com o ataque a crianças em uma escola na zona oeste do Rio de Janeiro. Na manhã desta sexta-feira (8), o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, confirmou a ideia de lançar nova campanha pelo desarmamento. A Presidente Dilma Roussef encurtou uma cerimônia planejada para comemorar o crescimento do número de micro-empresários no país.



A presidente estava visivelmente emocionada e disse que não iria fazer um discurso e se lamentar a tragédia de Realengo. Dilma Rousseff nem quis discursar durante uma cerimônia em Brasília, e se emocionou.



“Proponho um minuto de silêncio para que nós mostremos a nossa homenagem a esses brasileirinhos que foram retirados tão cedo da vida”, disse, com a voz embargada.



No Congresso, comoção pela tragédia. “É um ato de terrorismo. Quando a gente procura atingir civis, pessoas que nada têm a ver com isso”, comentou o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).



“Nós precisamos, a partir desse fato, produzir um diálogo que nos leve a pensar medidas, que possam contornar situações como essa”, disse o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS).



O Ministério da Justiça e a Secretaria de Direitos Humanos afirmaram que estão à disposição para prestar qualquer auxílio. O ministro da Educação, Fernando Haddad, também disse que pode ajudar a prefeitura e as famílias no que for necessário.



“Uma tragédia sem precedentes na história do Brasil. Um dia muito triste para a educação brasileira, a morte de crianças por uma pessoa completamente fora de si. A educação no dia de hoje está em luto, evidentemente”, declarou o ministro.



A presidente Dilma Rousseff decretou luto oficial por três dias. Disse que quer ir ao velório dos alunos e vai fazer o maior esforço possível para ir ao Rio de Janeiro.



A Confederação Nacional dos Trabalhadores, chocada com a selvageria ocorrida ontem, solidariza-se com as famílias que perderam seus filhos de forma tão brutal e precoce. Queremos acreditar que episódios como esse jamais se repitam. Acreditamos que armas devem ser usadas apenas para proteger a vida das pessoas; jamais para ferir ou matar inocentes. Defendemos a vida, acima de tudo e o respeito ao próximo

0 comentários para "Dilma Rousseff declara luto oficial e diz que quer ir a velório no Rio"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.