Cancelar
Acesso CNTV

Transporte de valores: bancos pedem garantia de funcionamento mínimo

25Fev

Em ) - 30 30% 30_

O Sindicato dos Bancos do Rio Grande do Sul e Santa Catarina protocolou petição no TRT catarinense, esta tarde, como terceiro interessado, requerendo medida liminar para garantir número mínimo de trabalhadores - 70% nos horários de pico e 50% no restante do tempo -, envolvidos com o transporte de valores, que se mantêm em greve desde segunda-feira (21).

Os bancos alegam, em síntese, que sua atividade é legalmente considerada essencial e que a greve seria abusiva, prejudicando a população.

O pedido será encaminhado para despacho ao vice-presidente do TRT, juiz Gerson Paulo Taboada Conrado, que preside a seção especializada em dissídios coletivos. É dele a proposta de acordo apresentada a trabalhadores e empresários na audiência de conciliação realizada na tarde de ontem.

A proposta foi rejeitada na maioria das assembléias dos trabalhadores, que deliberaram pela continuidade da greve.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do TRT/SC

ascom@trt12.jus.br - (48) 3216.4320/4303/4306

0 comentários para "Transporte de valores: bancos pedem garantia de funcionamento mínimo"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.