Cancelar
Acesso CNTV

Vigilantes de Cuiabá podem entrar em greve

07Jan

Em - 10 15 a acordo

Os vigilantes de Cuiabá e Região avisam: se não houver avanço nas negociações com os empresários, a categoria pode entrar em greve. De acordo com o presidente do Sindicato dos Vigilantes de Cuiabá, Valtair Lauriano, depois de três rodadas de negociações com o sindicato patronal, ainda não surgiu qualquer possibilidade de acordo.Os trabalhadores decidiram, então, apelar para a mediação da Superintendência Regional do Trabalho.

Segundo Lauriano, essa é a última possibilidade de conciliação antes da decretação da greve.

O Sindicato pede 15% de reajuste salarial e 20% de adicional por risco de vida sobre o salário-base, além de prêmio de assiduidade de R$ 80,00 e tíquete alimentação de R$ 10,00 por dia trabalhado. Os patrões ofereceram reajuste linear de 5,39% e 2% de risco de vida.

A data-base da categoria é 1º de janeiro.

0 comentários para "Vigilantes de Cuiabá podem entrar em greve"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.